Alexandre Gennari

Alexandre Gennari – Introdução

ale gennari (3)

Crônicas

Livros

Filmes

Entrevistas

Eventos

Sobre Alexandre Gennari: 

Alexandre Gennari é escritor e roteirista. É também palestrante e autor teatral.  Nasceu em São Paulo (1963) e hoje vive na cidade histórica de São Luiz do Paraitinga. Em 2001, criou o site Webwritersbrasil, sobre comunicação escrita multimídia: Webwriting, Roteiros e Literatura.  Os conteúdos de suas palestras foram elaborados à partir da experiência interativa neste site. Foi sócio da Blancart, empresa de comunicação empresarial entre 2000 e 2010 e apresentador do quadro Filmoteca do Roteirista na TV.  Estudou jornalismo (PUC-SP), Cinema (Anhembi-Morumbi) e viajou por grande parte do Brasil nos anos 1980. Viveu na Flórida (1998/1999). Foi coordenador de eventos, cartorário, vitrinista, marketeiro, empresário, muambeiro e vendedor. Hoje, essas experiências servem de combustível para sua imaginação. Escreve profissionalmente desde 2000.  É autor dos livros “Os sons do Divino e o Espírito Santo do silêncio” (contos), “Descaminho – O Sorriso do Gato” (romance), “Descaminho – A Boca do Cachorro” (romance) e “A Onça, Eu Engoli Inteira” (infantil), “Nossa Senhora dos Fracassados (novela – no prelo). Escreveu os roteiros dos filmes “Os sons do Divino e o Espírito Santo do silêncio”, selecionado no Festival CineBrasil de Estocolmo, entre outros, e premiado no Comunicurtas 2013; “Ouço Passos no Escuro;” e “Roupa de Baixo,” melhor curta-metragem do Festival MixBrasil; e “Olhos Infinitos” (inédito), assinado em parceria com o mexicano Carlos Underwood e premiado no The Chamizal Independent Film Festival, em El Paso, México (2004).

Depoimento (Por Alexandre Gennari): O WebWritersBrasil se confunde com a minha trajetória até me tornar escritor, roteirista e webwriter. Cada uma das minhas funções profissionais atuais, corresponde a um dos canais do site: Escritor = Literatura na web. Roteirista = Roteiros Muultimídia. Webwriter = Webwriting. Quando comecei a escrever, minhas primeiras perguntas foram: Será que eu levo algum jeito pra isso? O Que, Como e Onde escrever? Textos para a Internet? Roteiros? Literatura? Como escrever um texto para a Web? Como escrever um roteiro para Teatro, Cinema ou Televisão? Como escrever uma Crônica, um Conto, um livro? Onde publicar? Na mídia digital ou impressa? Enquanto pesquisava as respostas ia sistematizando esse processo e compartilhando os resultados no WWB. Depois de descobrir que eu levava algum jeito pra coisa, antes de sentar ao computador e blá blá blá, precisei conhecer formatos, veículos e eleger focos. Para redigir matérias jornalísticas ou peças publicitárias, o melhor caminho seria cursar uma faculdade de comunicação. Mas não há faculdade de Escritores. Não há escolas que ensinem a arte da ficção. Por isso, a proposta do WWB era, inicialmente, disponibilizar algumas ferramentas para o autor iniciante e servir como um guia para as pessoas quem têm talento e vontade de escrever  ajudando-as a escolher O Que, Como e Onde escrever.

Obras:

– Literatura:

“Os Sons do Divino e o Espírito Santo do Silêncio” – coletânea de contos 134 págs. – editora Scortecci (2012)

“Descaminho – O Sorriso do Gato” – romance baseado em fatos reais – 240 págs. (2012)

“Descaminho – A Boca do Cachorro” – romance baseado em fatos reais – 240 págs.  editora Scortecci (2012)

“A Onça Eu Engoli Inteira” – infantil –  editora Scortecci (2014)

“Nossa Senhora dos Fracassados” – novela – 146 págs. no prelo (2016)

– Cinema:
“Roupa de Baixo” – cinema/documentário – roteiro para filme de curta-metragem. direção: Lara Dezan – Produção: Lira Filmes – 2016. Selecionado nos Festivais: 19a Mostra de Cinema de Tiradentes; melhor curta-metragem nacional do 23o Festival MixBrasil.

“Os sons do Divino e o Espírito Santo do silêncio” – cinema/ficção – roteiro para filme de curta-metragem. direção: Claudia Pinheiro – Produção: Filmes de Abril – 2012. Selecionado nos Festivais de selecionado nos Festivais 19º Festival Latinoamericano de Rosario, Argentina; 7º CineBrasil de Estocolmo, Suécia; 5º Cine Toro de Toro, Colômbia; 6º Festival de Cinema de Triunfo; e premiado no Comunicurtas 13.

“Ouço Passos no Escuro” – cinema/ficção – roteiro para filme de curta-metragem. Direção: Edivaldo dos Santos “Pipoca” – Produção: Pipoca Filmes – 2012.

“Olhos Infinitos” – cinema/ficção – roteiro inédito para curta-metragem premiado no The Chamizal Independent Film Festival, El Paso, México. Argumento: Carlos Underwood – 2004

Teatro:

“Responsabilidade Social, uma idéia do outro mundo” – teatro empresarial – argumento: Marco Aurélio Vianna – produção: Toque de Areia – direção: Rogério Passos – 2004

“O que te impede de ser mais?” – teatro empresarial – argumento: Open Dreams consultoria – produção: Toque de Areia – direção: Reginaldo Nascimento – 2004

“Falar é fácil, comunicar é que são elas” – teatro empresarial – argumento: Reinaldo Passadori – produção: Toque de Areia – direção: Reginaldo Nascimento- 2005

“Grandes egos não cabem no avião” – teatro empresarial – argumento: Leila Navarro – produção: Toque de Areia – direção: Reginaldo Nascimento- 2006

“A Fantástica R-Evolução de um gerente” – teatro empresarial – argumento: Miguel Filliage – inédito – 2004

“Geração $” – teatro adulto – roteiro para peça exibida na Escola Recriarte e USP – direção: Telma Vieira – 2004

6 respostas para Alexandre Gennari

  1. Antonia de SLP disse:

    Não sei se vai conseguir visualizar, mas esta é uma das cenas que te falei ,que considero uma das mais tocantes que já vi. Abraço,
    Antonia

    • Oi Antonia,
      consegui ver sim. linda cena. um parque, um banco de parque, dois bons atores e um diálogo muito bem construído. não há helicópteros, exércitos, metralhadoras, cobras gigantes invadindo a cidade… simplesmente a criatividade do roteirista, a delicadeza do diretor, a interpretação inspirada dos atores, a beleza do visual (cenário, fotografia, arte).
      obrigado,

  2. Pingback: Mais uma dúzia de filmes que eu adoro | Webwritersbrasil's Blog

  3. Pingback: Lançamento do novo livro de Alexandre Gennari, criador do WebwritersBrasil em 2001 | Webwritersbrasil's Blog

  4. Elisangela Oliveira disse:

    Ola Alexandre
    Como vai tudo bem. não. Sei se vc lembra de mim mas… nunca esqueci de você. Meu nome Elisangela e trabalhei com vc em meu primeiro emprego.

  5. Pingback: O Radicalismo e a Burrice | Webwritersbrasil's Blog

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s