Vestido Vermelho

Ale Gennari PB (640x478) - Cópia

vestido-vermelho

Crônica de Alexandre Gennari (Vida de Escritor): Uma crônica romântica  inspirada na obra de Fabrício Carpinejar para machucar os corações no Dia dos Namorados: “O futebol é uma caixinha de surpresas. O amor também. Pensei que o jogo estava ganho. Não estava. Achei que nunca a veria no vestido vermelho. Demorou algo parecido com uma vida até que isso acontecesse. Mas aconteceu. O jogo virou. Por São Jorge! Por Tutatis! Aconteceu. Foi numa noite fria de domingo. Ela usava um sobretudo longo, meias de seda, sapatos de salto (…) Só quando chegamos à festa e ela tirou o sobretudo, foi que vi o vestido no corpo dela, vermelho de paixão, vivo, realizado em seu sonho rubro de vestido, finalmente, torneando as formas dela, o corpo magro e esguio, os ombros suportando os cabelos longos e claros, suas formas que eu podia adivinhar debaixo daquela vermelhidão, o pano suave que eu tocara com cuidado na loja da bruxa, tocando o corpo dela agora, roçando a pele muito branca, fazendo carinho nela a cada movimento mínimo que ela fazia.” Leia Mais

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s